A Malebranche é uma das principais vias da Chácara Klabin e nos acostumamos a repetir esse nome. Mas você sabe quem foi o homem homenageado na nomenclatura da rua? Assim como Pedro Pomponazzi, Giordano Bruno e Giovanni Pico della Mirandola, nomes que batizam outras vias e praças do bairro, Nicolas Malebranche também foi um filósofo. Viveu em Paris do ano de 1638 até sua morte, em 1715, aos 77 anos.

male2

Na cidade luz, entrou para a Congregação do Oratório com pouco mais de 20 anos, onde foi ordenado sacerdote. Influenciado pela leitura de Descartes e de Santo Agostinho, dedicou-se ao estudo da filosofia. A principal ideia de seu discurso era a relação da alma com Deus, refutando outros filósofos que acreditavam que a alma era algo que pertencia ao corpo.

male
Para Malebranche, todas as ideias e conceitos que temos em nossa mente vêm da mente infinita de Deus, e o homem sábio deve buscar o caminho divino para encontrar a verdade, o que o livrará do engano – causa do sofrimento segundo o filósofo. Suas principais obras são Tratado da natureza e da graça, de 1680, Tratado de moral, de 1684, Meditações metafísicas e cristãs, de 1684,Tratado do amor de Deus, de 1687.
Redação CHK

Redação CHK

Somos apaixonados por comunicação e pela Chácara Klabin. Acreditamos que moradores unidos têm o poder de transformar o bairro e a cidade onde vivem.
Redação CHK