No ano passado, foram contabilizados 1.037 acidentes nas estradas estaduais durante o feriado prolongado, contra 812 este ano

Os acidentes durante o feriado de carnaval em 2018 caíram 21,7% na comparação com o mesmo feriado no ano passado – foram 225 ocorrências a menos este ano nas rodovias paulistas. Os dados foram divulgados pela Polícia Militar nesta quarta-feira (14).

Foto: Gilberto Marques

Entre sexta-feira (9) e hoje, o Comando de Policiamento Rodoviário (CPRv) intensificou o patrulhamento nos mais de 22 mil quilômetros de estradas estaduais. A ação resultou na diminuição de 1.037 acidentes, em 2017, para 812 este ano. Em ambos os anos, houve 21 vítimas fatais. O número de acidentes com vítimas, porém, caiu 6,18%, passando de 340 para 319. Já os acidentes sem vítimas tiveram queda de 29,27%. No carnaval de 2017 foram 697, contra 493 este ano.

A Polícia Militar Rodoviária ressalta que a maioria dos acidentes poderia ter sido evitada se os motoristas fossem mais prudentes. A corporação intensificou a fiscalização, especialmente quanto ao uso de cinto de segurança, excesso de velocidade e dirigir embriagado. Os patrulheiros realizam diversas ações de fiscalização e conscientização dos motoristas em parceria com o Departamento de Estradas e Rodagens (DER), Agência de Transporte do Estado (Artesp) e as concessionárias que administram as rodovias.

Fiscalização e combate ao crime

Segundo a PM, foram fiscalizados mais de 37 mil veículos, sendo que 11.793 condutores foram submetidos ao teste do bafômetro. Ao todo, mais de 31 mil autos de infração foram lavrados e 1.193 motoristas foram autuados por dirigir sob efeito de álcool ou substâncias análogas – destes, 30 foram presos por embriaguez ao volante.

A presença dos patrulheiros também auxiliou no combate direto à criminalidade. Durante a operação, 79 pessoas foram presas em flagrante por diversos crimes, além da recaptura de nove foragidos da Justiça. Os PMs apreenderam ainda aproximadamente 200 quilos de drogas.

(Fonte: Governo de São Paulo)

Redação CHK

Redação CHK

Somos apaixonados por comunicação e pela Chácara Klabin. Acreditamos que moradores unidos têm o poder de transformar o bairro e a cidade onde vivem.
Redação CHK