A atividade será ministrada pela equipe de alimentação do Sesc Vila Mariana

No dia 24 de maio, quarta-feira, o Sesc Vila Mariana promove uma oficina e bate-papo sobre sal e temperos aromatizados, como o sal de ervas, azeites e vinagres aromatizados. A vivência é gratuita e acontece no Foyer da Unidade. As inscrições podem ser feitas na Central de Atendimento. A atividade tem início às 16 horas e vai contar com degustação dos alimentos.

O conceito de comida de verdade está diretamente associado ao de alimentação adequada e saudável, porém a constante mudança no paladar das pessoas e o crescente espaço do mercado produtor em alimentos industrializados, fazem com que a comida classificada como de mentira tenha um espaço considerável na mesa do consumidor.

Atualmente, encontramos à venda inúmeras variedades de temperos industrializados, como caldos em cubos, sachês de temperos e molhos prontos, que são considerados alimentos ultra- processados, segundo o Guia Alimentar para a População Brasileira.

 

Serviço:

Comidas de Verdade: Sal e temperos aromatizados
Com a equipe de Alimentação do Sesc Vila Mariana
Dia 24 de maio, quarta-feira, às 16h horas
Local: Foyer

Duração: 60 minutos
Não recomendado para menores de 12 anos
Grátis | 30 vagas

É necessário inscrição prévia na Central de Atendimento.

Horário de funcionamento da Unidade: Terça a sexta, das 7h às 21h30; sábado, das 9h às 21h; e domingo e feriado, das 9h às 18h30.

Central de Atendimento (Piso Superior – Torre A): Terça a sexta-feira, das 9h às 20h30; sábado, domingo e feriado, das 10h às 18h30.

Estacionamento: R$ 5,50 a primeira hora + R$ 2,00 a hora adicional (Credencial Plena: trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). R$ 12 a primeira hora + R$ 3,00 a hora adicional (outros). 200 vagas.

Sesc Vila Mariana
Rua Pelotas, 141, São Paulo – SP
Informações: 5080-3000
sescsp.org.br
Facebook, Twitter e Instagram: /sescvilamariana

Redação CHK

Redação CHK

Somos apaixonados por comunicação e pela Chácara Klabin. Acreditamos que moradores unidos têm o poder de transformar o bairro e a cidade onde vivem.
Redação CHK