As inscrições são gratuitas!

Sesc Vila Mariana promove o curso Dança e Expressão para Terceira Idade com Suzana Bayona a partir de 20 de outubro. Os encontros acontecem até 15 de dezembro, na Sala Corpo & Artes (6º Andar) sempre às sextas10 horas. As inscrições são gratuitas e já podem ser realizadas na Central de Atendimento.

O curso busca a construção criativa do movimento dos participantes, a partir do contato sensível consigo, com os outros e com e espaço, pela percepção dos impulsos que movem cada indivíduo.

Suzana Bayona é bailarina, bacharel e licenciada em Dança pela Universidade Anhembi Morumbi em São Paulo (2009) e em Psicologia pela PUCRS (2004). Iniciou os estudos em dança com balé clássico em Porto Alegre/RS na Escola de Ballet Vera Bublitz, de 1988 a 2000. É mestranda do Programa de Pós Graduação em Artes da Cena da Unicamp, desde agosto de 2015.

 

Serviço:
Dança e Expressão para Terceira Idade
Curso com Suzana Bayona
De 20 de outubro a 15 de dezembro, sexta-feira, às 10 horas (exceto dia 3/11)

Local: Sala Corpo & Artes, 6º Andar – Torre B
Duração: 120 minutos/cada
Não recomendado para menores de 18 anos
Grátis | Inscrições abertas na Central de Atendimento

Bilheteria: Terça a sexta-feira, das 9h às 21h30; sábado, das 10h às 21h; domingo e feriado, das 10h às 18h30 (ingressos à venda em todas as unidades do Sesc).

Horário de funcionamento da Unidade: Terça a sexta, das 7h às 21h30; sábado, das 9h às 21h; e domingo e feriado, das 9h às 18h30.

Central de Atendimento (Piso Superior – Torre A): Terça a sexta-feira, das 9h às 20h30; sábado, domingo e feriado, das 10h às 18h30.

Estacionamento: R$ 5,50 a primeira hora + R$ 2,00 a hora adicional (Credencial Plena: trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). R$ 12 a primeira hora + R$ 3,00 a hora adicional (outros). 200 vagas.

Sesc Vila Mariana
Rua Pelotas, 141, São Paulo – SP
Informações: 5080-3000
sescsp.org.br
Facebook, Twitter e Instagram: /sescvilamariana

Redação CHK

Redação CHK

Somos apaixonados por comunicação e pela Chácara Klabin. Acreditamos que moradores unidos têm o poder de transformar o bairro e a cidade onde vivem.
Redação CHK