Se você já se perguntou como o arquiteto trabalha, o que ele entrega para o cliente ou qual o passo a passo do trabalho, essa matéria é para você!

O Arquiteto é o profissional que planeja o espaço e busca a união entre a função e a forma. Seu objetivo é conciliar a beleza às necessidades funcionais, idealizando a melhor solução para o projeto. Então, sabendo disso e vendo a necessidade de ter uma ajuda profissional, você resolve contratar um arquiteto pela primeira vez. Provavelmente você irá para sua primeira reunião sem fazer ideia do que vocês irão conversar.

As 7 etapas a seguir, irão te ajudar a entender melhor o trabalho do arquiteto e chegar preparado para sua reunião!

Briefing

Essa etapa é extremamente importante, você vai contar tudo para o seu arquiteto, como se você fosse em um médico e ele tivesse que te dar um diagnóstico. Ele precisa saber tudo, seus desejos, o que você gosta, o que não gosta…. Tudo mesmo! Inclusive o quanto você tem para investir na obra!

Estudo Preliminar

O arquiteto vai juntar todas as informações que você passou na etapa anterior e vai materializar isso no projeto, ele vai te apresentar plantas e imagens para que você consiga entender o “diagnóstico” dele. Nesta etapa não existem muitos detalhes de projeto, mas a essência estará toda definida.

Anteprojeto

Nessa etapa o projeto começa a ganhar detalhes, e você irá discutir questões de iluminação, opções de acabamentos, pontos de tomada, água…. Com todos os itens definidos e pensados, o arquiteto vai passar para a próxima etapa.

Projeto Executivo

Esse projeto, é o projeto que vai para a obra! Para o cliente ele é um pouco difícil de entender, pois existem muitas informações técnicas. Mas é a partir dele que os executores vão tirar as informações para construir de acordo com as suas expectativas.

Projetos complementares

Dependendo da obra, pode ser que o arquiteto precise de informações adicionais de especialistas, e aí entram os projetos de elétrica, hidráulica, ar-condicionado, automação, estrutura e etc. Estes projetos precisam ser compatibilizados com o projeto de arquitetura e o arquiteto que é o responsável em juntar todas essas informações!

Quantitativo e Orçamento

Após tudo feito e compatibilizado é a hora de quantificar todos os itens para poder orçar de forma completa a obra. Com esse orçamento e os fornecedores definidos, o arquiteto monta um cronograma físico e financeiro da sua obra e com ele, você saberá quanto e quando vai gastar, além de também saber o prazo de conclusão da sua obra.

Obra

Com o projeto executivo na mão, cronogramas e fornecedores escolhidos é hora de começar a obra! Se as etapas forem seguidas corretamente, você não terá dor de cabeça e não irá gastar mais. O planejamento da obra estará feito e agora o seu arquiteto vai controlar para que tudo isso ocorra da maneira prevista!

Para você ter uma ideia de como é importante planejar e ter um projeto, só com ele dá para executar a obra e ter um resultado igual ao planejado!

Projeto e foto de um apartamento que reformamos no Klabin!

 

 

 

Janaína Fujii

Janaína Fujii

Janaína Fujii é arquiteta formada pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Mackenzie. E hoje é sócia no escritório Studio Idealize! Arquitetura.
Janaína Fujii